Costos Sociales da las Reformas Neoliberales en América Latina

livro_34

Capítulo Gestão social e transformação da sociedade sobre a necessidade da criação de novos paradigmas de gestão social que passem pela articulação entre Estado, empresas e sociedade civil no esforço da construção de uma sociedade economicamente viável, socialmente justa e ambientavelmente sustentável.

Volume contém uma série de artigos de pesquisadores de Argentina, Brasil, Colômbia, França, México, Ucrânia e Venezuela sobre a problemática latino-americana contemporânea, que foram apresentados no “Simpósio Costos Sociales da las Reformas Neoliberales en América Latina” do 50 º Congresso Internacional de Americanistas, realizado em Varsóvia, na Polônia, de 10 a 14 de julho de 2000. Organizado por Anita Kon, Catalina Banko, Dorothea Melcher, Maria Cristina Cacciamali e publicado por PUC-SP, FAPESP, USP e UCV, 2000.