democracia americana

Jonathan Haidt – The Righteous Mind: Why Good People Are Divided by Politics and Religion – (A mente moralista: por que boas pessoas são divididas pela política e pela religião) – Pantheon Books, New York, 2012, 420p. – ISBN 978-0-307-37790-6

É difícil traduzir a expressão inglesa “self-righteousness”. Expressa a profunda convicção de uma pessoa de que domina os outros da altura da sua elevada postura ética. Em geral leva a comportamentos estreitamente moralistas e intolerantes. E frequentemente vemos atos violentos justificados com fins altamente morais. Não há barbárie que não se proteja com argumentos de elevada nobreza. Sentimento que permite soltar as rédeas do ódio, aquele sentimento agradável de odiar com boas razões. A Marcha da Família com Deus pela Liberdade representou um marco histórico da hipocrisia na defesa de privilégios. Vêm mais marcha por aí, a hipocrisia tem pernas longas. As invasões de países se dão em geral para proteger as populações indefesas, as ditaduras para salvar a democracia, os ataques sexuais são feitos da altura moral de quem usa os buraquinhos como se deve. (L.Dowbor)
Leia mais

James Petras -The Great Transformation: From the Welfare State to the Imperial Police State – 2012, 7p.

Artigo de James Petras (em inglês, 7 paginas) sobre a degradação da democracia americana nas últimas décadas. Uma síntese de rara felicidade. Assunto escorregadio em termos ideológicos, mas vital para o nosso futuro. A liberalização financeira e redução dos impostos dos ricos aumentaram a desigualdade e fragilizaram as finanças do… Leia mais



© 2020 Ladislau Dowbor. Criação WowBrazil | Tema original Feelsen por Sérgio Vilar