Acontecendo agora

Leonardo Boff – Onde está o poder hoje no mundo? – outubro 2016 (4p.)

Leonardo Boff: "Há um fato que deve preocupar todos os cidadãos do mundo: o deslocamento do poder dos Estados-nações para o lado do poder de uns poucos conglomerados financeiros que atuam a nível planetário, cujo poder é maior que qualquer Estado tomado individualmente. Estes de fato detém o poder real em todas as suas ramificações: financeira, politica, tecnológica, comercial, mediática e militar".
Leia mais

Leonardo Boff – Dónde está hoy el poder en el mundo – octubre 2016

Leonardo Boff: "Hay un hecho que debe preocupar a todos los ciudadanos del mundo: el desplazamiento del poder de los estados-nación hacia el de unos pocos conglomerados financieros que operan a nivel global, cuyo poder es mayor que el de cualquiera de los Estados tomados individualmente. Estos realmente detentan el poder real en todas sus ramas: financiera, política, tecnológica, comercial, medios de comunicación y militar."
Leia mais

Entrevista Dowbor – Estamos destruindo o mundo por uma minoria – TV Diálogos do Sul – 2016 – 1h

Dowbor participa do programa Diálogos do Sul, exibida na Rede Cidade Livre Comunicação Comunitária, explicando como funciona a ditadura global do capital financeiro. Entrevista concedida em 20 de outubro de 2016.
Leia mais

Entrevista de Bresser Pereira – “A PEC 241 é feita para a classe rica que patrocinou o golpe e essa onda de ódio” – Diário do Centro do Mundo – outubro 2016

BresserEntrevista imperdível com Bresser-Pereira: “A PEC não vai ter nenhum efeito agora. O objetivo é desmantelar o estado do bem estar social e destruir o SUS e a educação fundamental.”
Leia mais

Nota da Comissão Episcopal Pastoral Para o Serviço da Caridade, da Justiça e da Paz

logomarca-da-cnbbPosicionamento da CNBB contra o retrocesso no Brasil: "Entendemos que as propostas de reforma trabalhista e terceirização, reforma do Ensino Médio, reforma da Previdência Social e, sobretudo, a Proposta de Emenda Constitucional, PEC 241/2016, que estabelece teto nos recursos públicos para as políticas sociais, por 20 anos, colocam em risco os direitos sociais do povo brasileiro, sobretudo dos empobrecidos".
Leia mais

Mia Couto: “Há quem tenha medo que o medo acabe” (7min)

Vem da África, na voz do escritor Mia Couto, esta profunda mensagem humana, este apelo para a coragem e a decência.
Leia mais

13th Amendment de Ava DuVernay

Um documentário extremamente bem realizado e realista sobre como se expressa e se organiza o racismo no Estados Unidos. Uma visão histórica de como se desenvolveram os movimentos e uma análise estrutural sobre o racismo em um país que tem 5% da população mundial, 25 % da população carcerária do mundo, dos quais ampla maioria é composta por homens jovens e negros. No pano de fundo, a obviedade de que as chamadas "minorias" já se tornaram maiorias no país. O que pensará a minoria branca? Um choque de realismo e excelente realização técnica e científica. Está passando no Netflix.

Dowbor – El capitalismo cambió las reglas, la política cambió de lugar – Nueva Sociedad – 2016 – 2p.

Aquello que eran deformaciones fragmentarias, penetraciones puntuales a través delobbies, de actos de corrupción y de «puertas giratorias» entre el sector público y el privado, pasó a cobrar un mayor volumen y se convirtió por ósmosis en poder político articulado dentro del cual el interés público es algo que aflora solo por momentos, y siempre a raíz de los prodigiosos esfuerzos de las manifestaciones populares, o de frágiles artículos en la prensa alternativa, o de algún que otro político independiente.
Leia mais

PEC 241, autoengano e a economia do lar

O economista Antônio Lacerda, em artigo publicado em OESP, considera o apoio a PEC 241/2016, que limita a expansão dos gastos públicos pelos próximos 20 anos, uma manifestação de um autoengano coletivo, baseado na ideia de que o orçamento público funciona como o “orçamento do lar” e que na crise é preciso cortar gastos".
Leia mais

Depoimento Dowbor – Memorial da Resistência de São Paulo (2h)

Em fevereiro de 2014, o professor Ladislau Dowbor concedeu um depoimento ao Memorial da Resistência sobre sua participação na resistência à ditadura civil-militar no Brasil. A íntegra da entrevista pode ser conferida nos quatro vídeos abaixo:
Leia mais

Dilip Hiro – US power at the crossroads: a snapshot of a multipolar world in action – (publicado em Truthout 11.10.2016, em inglês, 4p.)

Uma sucinta mas rica avaliação dos rearranjos em curso em termos de poder international, impactando em particular a supremacia americana. Dilip Hiro analisa a presença geopolítica da Russia, com a atuação na Crimeia e o papel desempenhado no Oriente Médio, tornando-se interlocutor necessário. A RT Rússia coloca o país pela primeira vez na comunicação mundial, com RT América, RT UK e outras linguas internacionais. A aproximação com a China faz parte deste redesenho. A China por sua ultrapassa pela primeira vez os EUA em volume de comércio exterior (US$3,9 tri), mostra presença ao abrir transporte ferroviário de carga (Yiwu-Madrid 16 mil milhas!) e conexões dutoviárias e marítimas em expansão, além dos acordos comerciais e políticos com a Rússia. Reservas internacionais: US$3,3 trilhões. Sucesso do AIIB (Asian Infrastructure Investment Bank). Aqui uma excelente análise da geração de novos equilíbrios multipolares.
Leia mais

Aula Pública com Ladislau Dowbor – Democracia na Real MASP – 04.08.2016 (1h11min)

Aula Pública do professor Ladislau Dowbor organizada pelo Democracia na Real, em 4 de agosto de 2016.
Leia mais

Nick Hanauer sobre como dinamizar a economia (TED Talks, 6 min., em inglês bem claro)

Nick Hanauer é um empresário, multibilionário, que se autodefine como um plutocrata. Mas é um plutocrata consciente que traz o argumento mais óbvio e mais comprovado de toda a economia: não é a riqueza no topo que gera empregos, investimento e desenvolvimento, e sim a renda distribuída, a elevação do salário mínimo, as políticas públicas, que ampliam a demanda. E quando a demanda se amplia, haverá quem invista para preenchê-la, criando produtos, empregos e mais investimentos. Hanauer inverte o raciocínio dos ricos, e ajuda a entender o principal mecanismo que rege a economia. O capitalismo, segundo Hanauer, criou hoje "uma sociedade rentista neo-feudal". (Há também uma versão mais ampla de 20 min.)

Manuel Castells – Democracy in the age of the internet

Interessante artigo de Manuel Castells, curto (4 p.), em inglês, sobre o impacto da internet sobre a democracia na era da internet, e a política em geral.
Leia mais

Ladislau Dowbor – Governança corporativa: O caótico poder dos gigantes financeiros – revisão setembro 2016 – 30p.

Estamos lentamente progredindo na compreensão da complexidade do sistema corporativo que, para o bem ou para o mal, hoje nos rege. De um lado, no plano intracorporativo, o gigantismo leva a burocracias inextricáveis, gerando um comportamento caótico e riscos sistêmicos. De outro, os mesmos gigantes estão se dotando de estruturas de articulação intercorporativas que muito se assemelham a governos no sentido de articulação interna e exercício de poder político direto. O que aqui vemos é uma articulação duplamente preocupante, tanto inter como intra empresarial. Entender este mundo de gigantes é hoje vital. (L.Dowbor)
Leia mais



Parceiros

© 2017 Ladislau Dowbor. Criação WowBrazil | Tema original Feelsen por Sérgio Vilar