Acontecendo agora

Curso “Pedagogia da Economia: educando para o mundo real” – inscrições de 24/02 a 07/03/2018

Vou ministrar o curso "Pedagogia da Economia: educando para o mundo real", a partir de 26 de março, na plataforma de Ensino à Distância do Instituto Paulo Freire. Serão 14 videoaulas e três encontros em tempo real. Nós vamos trabalhar o conteúdo de “A Era do Capital Improdutivo”. As inscrições vão até o dia 7 de março e já estão abertas no portal do Instituto Paulo Freire. Vejo vocês por lá. Abraços.
Leia mais

Mensagem do Papa – fev. 2018


Leia mais

Evolução humana – fev. 2018


Leia mais

Dowbor – Livros que apontam rumos – fev. 2018 – 3p.

É legítimo que estejamos centrados nos nossos dramas nacionais. Mas é igualmente importante entendermos como o mundo está mudando, inclusive porque as dinâmicas globais estão presentes nas nossas transformações. Para facilitar a vida, veja resenhas de livros recentes que me pareceram importantes.
Leia mais

George Monbiot – O programa secreto do capitalismo totalitário – The Guardian (tradução Carta Maior) – fev. 2018

Monbiot sempre traz boas análises. Na presente nota, como em livros recentes, mostra a que ponto o poder paralelo ou até central das corporações transforma o que ainda resta de democracia. Aliás, vale também ler o último livro de Naomi Klein, "No is not enough".
Leia mais

Ladislau Dowbor – World Observatory – 24 min.

Veja minha entrevista sobre os conflitos e desacertos que se agravam no mundo. O vídeo foi gravado no quadro das atividades do World Observatory, que grava e divulga online entrevistas sobre desafios mais significativos da atualidade internacional. Foco em particular o problema das migrações, da desigualdade, dos dramas ambientais, além de sugerir soluções que hoje me parecem tecnicamente óbvias mas politicamente distantes. Parece que somos prisioneiros da nossa própria irracionalidade política e social.
Leia mais

Brasilianas – Ladislau Dowbor – janeiro 2018 – 26 min.

Luis Nassif teve uma iniciativa muito importante: no quadro do seu site GGN, articulou uma parceria com a PUC de São Paulo, permitindo divulgar visões e produção científica de professores universitários. A academia descer da torre é ótimo para a academia; generalizar com vídeos acessíveis conhecimento científico organizado é ótimo para as mídias sociais. Nos 20 minutos da entrevista gravada na PUC, uma análise sobre as contradições do momento que vivemos. Veja e divulgue. Buscar soluções envolve pesquisar, conhecer, pensar de maneira organizada. Pensar dá trabalho, por isso a nossa grande mídia prefere ter opiniões.
Leia mais

Ladislau Dowbor – THE ERA OF UNPRODUCTIVE CAPITAL New Architectures of power – Translated by Eugenia Deheinzelin – 2018 – 173 p.

Functioning governance is not built on hatred, it requires a rational overview of what might work, even considering irrationalities. Are we going to solve the drama of inequality and migration by building a wall? A fenced-in condominium called USA? The truth is that the inherited system, the so-called neoliberalism, no longer fits in the modern world. The modern world needs to reinvent its ways. The present book covers research that I have developed in the last few years, grouped to ensure a systemic overview. They have as common denominator or guiding axis the quest for governance, for a decision-making process that works. We will characterize the systemic challenges, delineate the new architecture of power in the stage of global capitalism, analyze the process of financialization, and finally present how this process is transforming Brazil.
Leia mais

Oceans suffocating as huge dead zones quadruple since 1950, scientists warn – The Guardian – 04.01.2018 – 2p.

A poluição dos mares avançou de maneira impressionante nas últimas décadas, com numerosas regiões já mortas como o golfo do México, mar Báltico e outros. Química, em particular da agricultura, aquecimento global (reduz teor de oxigênio) e outros processos. Veja resultados de ampla pesquisa, artigo Guardian, em inglês, 2p.
Leia mais

Guilherme Estrella – “Empresas favorecida pelo governo golpista devem ser tratadas como receptadoras de roubo” – Marco Weissheimer / Portal Sul 21 – 18.12.2017 – 3p.

Um retrato curto e contundente do processo da Petrobrás, além da fachada, na entrevista de Guilherme Estrella para o jornalista Marco Weissheimer (Sul 21): ‘Empresas favorecidas pelo governo golpista devem ser tratadas como receptadoras de roubo’ dezembro 18, 2017 Sul 21 Guilherme Estrella: “Há 30 anos, Kissinger disse que os… Leia mais

Tereza Campello – Faces da desigualdade no Brasil. Um olhar sobre os que ficam para trás – FLACSO Brasil – 2017 – 80p.

A desigualdade constitui de longe a grande questão nacional. Com toda a riqueza desse país, deixar tanta gente de fora, tantas famílias sofrendo por não ter acesso ao básico, é simplesmente desumano. Essa nossa oligarquia, que pensa que seus privilégios são merecidos e que o povo é vagabundo, precisa se civilizar. É o povo trabalhador que sustenta os privilégios dessa oligarquia que matou Vargas, que derrubou Jango e Dilma. O que o Brasil produz hoje equivale a 11 mil reais de bens e serviços por mês, por família de quatro pessoas, o suficiente para todos viverem de maneira digna e confortável. Todo brasileiro tem esse direito. Para nós que trabalhamos por um Brasil melhor e não por elites mais ricas, é muito importante dispor dos dados básicos sobre como está a desigualdade no Brasil e como ela evoluiu nos anos recentes, entre 2002 e 2015. O trabalho organizado por Tereza Campello e outros nos traz um instrumento básico organizado de maneira extremamente didática, indo direto ao que importa.
Leia mais

Leonardo Boff – El intento de recolonizar Brasil – El País.cr – 11.12.2017 – 1p.

La colonización y especialmente la esclavitud no son solamente etapas pasadas de la historia. Sus consecuencias (Wirkungsgeschichte) perduran hasta el día de hoy. La prueba clara es la dominación y la marginación de las poblaciones un día colonizadas y esclavizadas, basadas en la dialéctica de la superioridad-inferioridad, en las discriminaciones por causa del color de la piel, en el desprecio y hasta el odio al pobre, considerado perezoso y un cero económico.
Leia mais

George Lakey – Viking economics: how the Scandivians got ir right – and how we can too – (Economia dos Vikings: como os escandinavos acertaram, e como nós também podemos) Melville House, London 2017, 303 p. – ISBN 978-1-61219-621-3

Viking Economics é uma belíssima leitura para não economistas, inclusive porque os economistas ou já sabem, ou já estão tão convencidos do contrário: que não vão querer saber. Digamos democraticamente que é um livro para todos e para curar qualquer um de falsos economicismos. O que funciona, afinal, é quando os esforços econômicos se orientam o mais diretamente possível para o bem-estar das famílias.
Leia mais

John Harris – Airbnb, Uber, eBay: in this intangible world workers must adapt to survive – The Gardian – 2017 – 2p.

O capitalismo sem capital? Uber não tem carros, Airbnb não tem quartos, Facebook não tem emissoras e por aí vai. Aqui uma boa nota sobre transformações que deslocam nossa visão do capital, do trabalhador e das relações de produção.
Leia mais

University students failed by rip-off fees, says watchdog – The Guardian – 2017 – 2p. (inglês)

Endividamento estudantil explode no Reino Unido na medida em que aumenta a privatização do ensino superior e sua transformação em indústria do diploma. Estudantes terminam com dívidas de 220 mil reais (50 mil libras) e pouca qualidade de ensino. Financeirização não é só no Brasil.
Leia mais



Parceiros

© 2018 Ladislau Dowbor. Criação WowBrazil | Tema original Feelsen por Sérgio Vilar