Mural de recados
(129)
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13
(29) Ladislau Dowbor
30 - 08 - 2012
email

Caros,
Estamos começando a aprender uns com os outros, isto é bom. Vejam interessante filme sobre novos rumos da educação, em espanhol, http://porvir.org/porpensar/filme-independente-inspira-novos-modelos-de-educacao/20120820

É uma faceta diferente do que apresenta o documentário Destino Educação que compara inovações, mudanças e dificulddes educacionais em 6 diferentes países

(28) Ladislau Dowbor
29 - 08 - 2012
email

Caros,
Uma tendência que é importante acompanhar é a deterioração da democracia nos Estados Unidos. Temos recomendado várias análises que têm surgido sobre isto. Com o poder econômico, militar e midiático do país, isto é muito preocupante. Paul Krugman reflete bem esta visão, com esta frase que fecha um artigo recente: "Algo deu muito errado com os Estados Unidos. Não envolve apenas sua economia, mas sua capacidade de funcionar como nação democrática. E é difícil prever quando e como o dano poderá ser sanado." Vejam por exemplo o artigo de Petras neste site, mas há muitos outros trabalhos aparecendo, de autores perplexos e preocupados com a evolução do gigante.
Artigo J. Petras http://dowbor.org/2012/07/james-petras-the-great-transformation-from-the-welfare-state-to-the-imperial-police-state-2012-7p.html/

(27) Ladislau Dowbor
13 - 08 - 2012
email

Caros,
Carta Maior organizou um dossiê muito bem documentado sobre um dos principais abalos que sofre o sistema financeiro comercial. Para quem não acompanhou, o Barclays já está pagando multa de 520 milhões de dólares, o seu presidente Bob Diamond caiu, e estão sendo abertos processos contra uma série dos maiores bancos mundiais. Trata-se de manipulação fraudulenta de dados para alterar as taxas Libor e Euribor, com perdas para milhões de pessoas. Acho que este dossiê nos ajuda a generalizar a compreensão deste escândalo. Não se pode prever se mais esta ilegalidade será abafada ou não (Barclays já lamenta o comportamento de "alguns funcionários") mas o grau de bandidagem está gerando reações muito amplas.

http://cartamaior.com.br/templates/index.cfm?home_id=139&alterarHomeAtual=1

(26) Ladislau
30 - 07 - 2012
email

Notícias Ladislau - Julho - 2012

Caros,

1) Vale a pena ver o documento final da RIO+20, aprovado por 188 países. É notoriamente fraco, mas o fato é que reflete o nível possível de consenso. Na minha visão, é o "mínimo denominador comum" que se conseguiu. A sua fragilidade não impede que seja importante, sobretudo pelas brechas que abre: a prioridade à redução da pobreza e da desigualdade, a importância das corporações passarem a divulgar os seus impactos ambientais e sociais, a criação de um fórum planetário supra-nacional e assim por diante. O documento pode ser acessado em inglês, espanhol e outras línguas oficiais. São 39 páginas, 283 parágrafos. Vejam aqui o documento em inglês e em espanhol.

texto em inglês http://daccess-dds-ny.un.org/doc/UNDOC/GEN/N12/381/64/PDF/N1238164.pdf?OpenElement

texto em espanhol: http://daccess-dds-ny.un.org/doc/UNDOC/GEN/N12/381/67/PDF/N1238167.pdf?OpenElement

2) Texto de Terry Macalister fala sobre a GSK, gigante da área farmacêutica (Glaxo Smith Kline) dá uma demonstração a mais do porque a indústria farmacêutica, os bancos e as empresas vendedoras de armas formam o trio mais denunciado no planeta. O artigo está em inglês.

http://dowbor.org/2012/07/terry-macalister-pharma-overtakes-arms-industry-to-top-the-league-of-misbehaviour-july-20123p.html/

3) Jimmy Carter, em seu texto A Cruel and Unusual Record, relata como degradação dos direitos humanos nos Estados Unidos é preocupante. Este artigo do ex-presidente Jimmy Carter, publicado no New York Times, reflete a erosão de valores básicos e direitos humanos neste país que sempre quis simbolizá-los. Texto disponível em português e em inglês.

texto em português: http://dowbor.org/2012/07/jimmy-carter-um-recorde-raro-e-cruel-2012-2p.html/

texto em inglês: http://dowbor.org/2012/06/jimmy-carter-a-cruel-and-unusual-record-2012-2p.html/

4) Para os que acompanham a luta pela liberalização do acesso à pesquisa científica, temos o excelente artigo de Grazia Ietto-Gillies sobre direitos autorais, um movimento que cresce, na linha do acesso aberto à ciência. A primavera dos cientistas está avançando, queremos uma ciência mais aberta, com mais liberdade de colaboração entre os universos científicos, e menos controle e custos por parte de intermediários. Particularmente interessante aqui é o conceito de Open Peer Review, sistema aberto de validação científica.

http://dowbor.org/2012/06/9300.html/


Boas férias (pelo menos para nós professores e alunos...)


Abraço,

Ladislau

(25) Ladislau Dowbor
30 - 07 - 2012
email

Obrigado Marcos. As coisas estao evoluindo, apesar da guerra dos oligopolios que querem continuar a cobrar pedagio sobra a criatividade dos outros. Abraco, Ladislau

(24) Ladislau Dowbor
30 - 07 - 2012
email

Fabricio, legal a ideia, vou combinar um dia junto com meu filho Andre. Me mande um e-mail para facilitar o contato. O meu é ladisla@dowbor.org Abraco, Ladislau

(23) Marcos Guimarães
30 - 07 - 2012
email

Acredito que já saiba a respeito deste site, um amigo meu da Física me indicou e descreveu que antes de uma publicação em uma revista de renome é possivel publicar neste site sem fins lucrativos, assim ter´´a livre circulação do conhecimento cientifico.

http://archive.org/

(22) Fabricio Gandini
30 - 07 - 2012
email

Prezado prof Dowbor,
Nos conhecemos em um evento aqui em Santos. O senhor estava com seu filho que acho que estuda Pedagogia por aqui. Gostaria muito de falar com o senhor sobre o que temos pensado e trabalho sobre a importância da "Economia da Conservação". O peso da pesca artesanal na economia do litoral e outras frentes importantes de enfrentamento ao processo de "relitoralização" imposto pelo porto e pré sal. Queria falar com calma, talveaz um dia que viesse para Itanhaém, pois me disse que vinha de vez em quando. Um forte abraço . Fabrício (Instituto Maramar)

(21) Ladislau Dowbor
23 - 07 - 2012
email

Caros,
Paraisos fiscais todos já ouviram falar, um ex-prefeito de São Paulo em particular. Mas James Henry, dos poucos especialistas exatamente nesta área, economista chefe da McKinsey, traz uma avaliação muito pesquisada de quanto dinheiro se evadiu de diversos países para evitar impostos. A soma é 21 trilhões de dólares (o PIB mundial foi de 63 tri em 2011). A metade é de apenas 92 mil afortundados. são ordens de grandeza naturalmente, mas um início de luz. Artigo curto, em inglês, os principais dados. (Relatório completo disponibilizado em julho de 2012).
O link é
http://www.guardian.co.uk/business/2012/jul/21/global-elite-tax-offshore-economy

(20) Ladislau
17 - 07 - 2012
email

Notícias Ladislau - julho - 2012

http://app.dowbor.org/s/?10908.19.121549.0.1.3713.9.1008072.0.10.0.0.125366.0.0.b2e83



 Seu nome *
 Seu e-mail *
 Seu site
 Mensagem *
* Obrigatório

Medidas Antispam
Por favor, insira o texto abaixo no campo antes de enviar a mensagem para o livro de visitas.
7 + 2=