Mural de recados
(133)
(33) prof. Tadeusz Pilch
04 - 09 - 2012
email

Szanowny Panie Profesorze

Jestem profesorem Uniwersytetu Warszawskiego, kierownikiem Katedry Pedagogiki Społecznej, przewodniczącym Pedagogów Społecznych Komitetu Nauk Pedagogicznych Polskiej Akademii Nauk.

Jestem pod wielkim wrażeniem Pańskiej wypowiedzi, jaka ukazała się w Gazecie Wyborczej w dniu 11 sierpnia 2012 roku.

W roku 2013 planujemy organizację międzynarodowego (europejskiego) Zjazdu Pedagogów Społecznych poświęconego prawie dokładnie tym samym problemom, które Pan Profesor przedstawia w swoim wywiadzie. Główna idea Zjazdu, to poszukiwanie dróg ratunku i naprawy „szalonego świata”, w taki sposób, aby nie „wymknął się nam z rąk”.

Gdyby Pan Profesor zechciał przyjechać do Polski, pokryli byśmy koszty Pańskiej podróży i pobytu w Polsce, oraz wypłacili bardzo skromne honorarium za wygłoszenie wykładu na konferencji. Jeśli to jest nierealne, wówczas bylibyśmy bardzo wdzięczni za przesłanie nam wykładu o treściach zbliżonych do treści ogłoszonej w Gazecie Wyborczej wypowiedzi. Został by zamieszczony na pierwszym miejscu w książce pokonferencyjnej. Za taki wykład jesteśmy gotowi także wypłacić skromne honorarium. Podkreślam skromność naszych środków, ale działam w imieniu uniwersytetu, który nigdy nie ma dużych pieniędzy.

Będę bardzo zobowiązany za nawiązanie ze mną kontaktu i ustosunkowanie się do naszej prośby.

Z wyrazami wielkiego szacunku i z nadzieją na współpracę!
Prof. Tadeusz Pilch



(32) Gustavo Cherubine
04 - 09 - 2012
email

Olá Prof. Ladislau, como vai?

Sou amigo do Lutgardes, trabalhei por cinco anos no IPF, moro aqui em Perdizes e sempre leio seus textos.
Um deles, recente, cujo título é "Entender a Rio+20: balanços e compromissos" está muito bom, mas tem uma omissão grave.

O senhor esqueceu da convenção de combate à desertificação, aprovada junto com as outras duas, mais conhecidas, clima e biodiversidade.

Veja esse pequeno artigo:

http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2012-06-17/paises-precisam-cumprir-recomendacoes-das-convencoes-sobre-clima-biodiversidade-e-desertificacao

O Brasil tem propostas para cumprir a convenção de combate à desertificação. Temos o www.asabrasil.org.br e outras iniciativas, inúmeras na verdade.

Devemos sempre lembrar dessa 03a. convenção, pois algumas regiões do planeta já vivem processos de desertificação e procuram reagir a esse processo que é intensamente ligado aos temas das outras convenções.

A palavra "desertificação" sequer aparece no seu texto citado acima, que embora excelente, mereceria a incorporação dessa importante e necessária temática.

Um grande abraço, Gustavo Cherubine.

(31) Ladislau Dowbor
31 - 08 - 2012
email

Caros,

Financial Stability and Systemic Risk (June 2012)
Há espaço para um sistema financeiro sustentável? Sustentável no sentido não de que se sustente (os seus acionista e receptores de bonus vão bem obrigado), mas que cumpra o seu papel de financimanto de um desenvolvimento sustentável? Cumpre lembrar que estas instituições, que trabalham com dinheiro nosso e não delas, recebem autorizações (carta patente) dos respectivos bancos centrais para funcionar. Um bom estudo sobre o tema, pela ONU com outras instituições, está em

http://www.unepfi.org/fileadmin/documents/Lenses__Clocks_web.pdf

(30) Ladislau Dowbor
30 - 08 - 2012
email

Caros,

Um documentário de excepcional qualidade sobre os rumos da educação, mencionado na nota anterior neste mural, localizei no youtube com legendas em português, vejam em http://www.youtube.com/watch?v=-1Y9OqSJKCc

O filme tem 2:25h, longo, mas é uma imensa aprendizagem. Abraço, Ldislau

(29) Ladislau Dowbor
30 - 08 - 2012
email

Caros,
Estamos começando a aprender uns com os outros, isto é bom. Vejam interessante filme sobre novos rumos da educação, em espanhol, http://porvir.org/porpensar/filme-independente-inspira-novos-modelos-de-educacao/20120820

É uma faceta diferente do que apresenta o documentário Destino Educação que compara inovações, mudanças e dificulddes educacionais em 6 diferentes países

(28) Ladislau Dowbor
29 - 08 - 2012
email

Caros,
Uma tendência que é importante acompanhar é a deterioração da democracia nos Estados Unidos. Temos recomendado várias análises que têm surgido sobre isto. Com o poder econômico, militar e midiático do país, isto é muito preocupante. Paul Krugman reflete bem esta visão, com esta frase que fecha um artigo recente: "Algo deu muito errado com os Estados Unidos. Não envolve apenas sua economia, mas sua capacidade de funcionar como nação democrática. E é difícil prever quando e como o dano poderá ser sanado." Vejam por exemplo o artigo de Petras neste site, mas há muitos outros trabalhos aparecendo, de autores perplexos e preocupados com a evolução do gigante.
Artigo J. Petras http://dowbor.org/2012/07/james-petras-the-great-transformation-from-the-welfare-state-to-the-imperial-police-state-2012-7p.html/

(27) Ladislau Dowbor
13 - 08 - 2012
email

Caros,
Carta Maior organizou um dossiê muito bem documentado sobre um dos principais abalos que sofre o sistema financeiro comercial. Para quem não acompanhou, o Barclays já está pagando multa de 520 milhões de dólares, o seu presidente Bob Diamond caiu, e estão sendo abertos processos contra uma série dos maiores bancos mundiais. Trata-se de manipulação fraudulenta de dados para alterar as taxas Libor e Euribor, com perdas para milhões de pessoas. Acho que este dossiê nos ajuda a generalizar a compreensão deste escândalo. Não se pode prever se mais esta ilegalidade será abafada ou não (Barclays já lamenta o comportamento de "alguns funcionários") mas o grau de bandidagem está gerando reações muito amplas.

http://cartamaior.com.br/templates/index.cfm?home_id=139&alterarHomeAtual=1

(26) Ladislau
30 - 07 - 2012
email

Notícias Ladislau - Julho - 2012

Caros,

1) Vale a pena ver o documento final da RIO+20, aprovado por 188 países. É notoriamente fraco, mas o fato é que reflete o nível possível de consenso. Na minha visão, é o "mínimo denominador comum" que se conseguiu. A sua fragilidade não impede que seja importante, sobretudo pelas brechas que abre: a prioridade à redução da pobreza e da desigualdade, a importância das corporações passarem a divulgar os seus impactos ambientais e sociais, a criação de um fórum planetário supra-nacional e assim por diante. O documento pode ser acessado em inglês, espanhol e outras línguas oficiais. São 39 páginas, 283 parágrafos. Vejam aqui o documento em inglês e em espanhol.

texto em inglês http://daccess-dds-ny.un.org/doc/UNDOC/GEN/N12/381/64/PDF/N1238164.pdf?OpenElement

texto em espanhol: http://daccess-dds-ny.un.org/doc/UNDOC/GEN/N12/381/67/PDF/N1238167.pdf?OpenElement

2) Texto de Terry Macalister fala sobre a GSK, gigante da área farmacêutica (Glaxo Smith Kline) dá uma demonstração a mais do porque a indústria farmacêutica, os bancos e as empresas vendedoras de armas formam o trio mais denunciado no planeta. O artigo está em inglês.

http://dowbor.org/2012/07/terry-macalister-pharma-overtakes-arms-industry-to-top-the-league-of-misbehaviour-july-20123p.html/

3) Jimmy Carter, em seu texto A Cruel and Unusual Record, relata como degradação dos direitos humanos nos Estados Unidos é preocupante. Este artigo do ex-presidente Jimmy Carter, publicado no New York Times, reflete a erosão de valores básicos e direitos humanos neste país que sempre quis simbolizá-los. Texto disponível em português e em inglês.

texto em português: http://dowbor.org/2012/07/jimmy-carter-um-recorde-raro-e-cruel-2012-2p.html/

texto em inglês: http://dowbor.org/2012/06/jimmy-carter-a-cruel-and-unusual-record-2012-2p.html/

4) Para os que acompanham a luta pela liberalização do acesso à pesquisa científica, temos o excelente artigo de Grazia Ietto-Gillies sobre direitos autorais, um movimento que cresce, na linha do acesso aberto à ciência. A primavera dos cientistas está avançando, queremos uma ciência mais aberta, com mais liberdade de colaboração entre os universos científicos, e menos controle e custos por parte de intermediários. Particularmente interessante aqui é o conceito de Open Peer Review, sistema aberto de validação científica.

http://dowbor.org/2012/06/9300.html/


Boas férias (pelo menos para nós professores e alunos...)


Abraço,

Ladislau

(25) Ladislau Dowbor
30 - 07 - 2012
email

Obrigado Marcos. As coisas estao evoluindo, apesar da guerra dos oligopolios que querem continuar a cobrar pedagio sobra a criatividade dos outros. Abraco, Ladislau

(24) Ladislau Dowbor
30 - 07 - 2012
email

Fabricio, legal a ideia, vou combinar um dia junto com meu filho Andre. Me mande um e-mail para facilitar o contato. O meu é ladisla@dowbor.org Abraco, Ladislau


 Seu nome *
 Seu e-mail *
 Seu site
 Mensagem *
* Obrigatório

Medidas Antispam
Por favor, insira o texto abaixo no campo antes de enviar a mensagem para o livro de visitas.
3 + 4=