Como PUC-SP estamos nesta lista dos que apoiam um resgate do papel das finanças como fomentadoras da economia. Na reportagem se trata do Banco da Inglaterra, mas nós enfrentamos o mesmo sistema financeiro que extrai os recursos dos processos produtivos e os aplica nas diversas formas de especulação. A financeirização é hoje objeto de um enfrentamento global. De cada 10 unidades extraídas, apenas 1 volta para o sistema produtivo. Este manifesto se aplica muito a nós mesmos e ao nosso Banco Central impotente. 

Confira íntegra da reportagem em: https://www.theguardian.com/business/2019/jun/04/next-bank-of-england-governor-must-serve-the-whole-of-society