Ainda há pouco tempo se proclamava o fim da história e que “não havia alternativas”. Teríamos inventado o sistema funcional definitivo. Da crise de 2008 para cá, ampliam-se os desastres sociais, ambientais, econômicos e políticos. Buscar alternativas é essencial. O presente trabalho reúne várias visões, de uma dezena de pesquisadores, sobre os novos caminhos. Envolve desde os novos conceitos de desenvolvimento até as mudanças de paradigmas na gestão da energia e da água, ou ainda as novas experiências de governança das cidades. No conjunto um livro muito atual e com boas bibliografias, um excelente instrumento de trabalho.  Dowbor participa com dois capítulos, sobre como foi travado o desenvolvimento no Brasil, e como se governam – e nos governam – as grandes corporações.

Confira a íntegra dos capítulos de Dowbor:

Como se travou a economia brasileira: a expansão do capitalismo improdutivo 

Governança corporativa: o caótico poder dos gigantes financeiros