Share on Facebook21Share on Google+0Tweet about this on TwitterPin on Pinterest0Email this to someonePrint this page

No final do sec. 19, encontraram um bosque dos gigantes da floresta que são as sequóias. Este exemplar, de mais de cem metros de altura, e de mais de 1100 anos de idade, foi batizado de rei da floresta, e derrubado para ganhar dinheiro com exposição de pedaços da imensa casca em N. Iorque e outras regiões. O fato gerou entusiasmo dos homens do dinheiro, mas tambem uma onda de indignação, provocando a criação do movimento de parques nacionais nos Estados Unidos. O orgulho com a demonstração da capacidade de dominar a natureza é doentio. No século 21, com as poderosas tecnologias modernas, e gigantes corporativos, gera-se uma catástrofe planetária, sempre em nome da expansão das capacidades produtivas.

Veja o artigo sobre esta derrubada do maior ancião da floresta (em inglês) em http://www.guardian.co.uk/environment/blog/2013/jun/27/giant-tree-death-conservation-movement  (L. Dowbor)