Família: Redes, Laços e Políticas Públicas

2003, 320 p.

livro_21

Coletânea sobre a família, de grande interesse, pois passamos rapidamente da família ampla (o clã), para a família nuclear, e hoje nos EUA famílias com pai, mão e filhos representam apenas 26% do total. Com a mudança profunda desta unidade básica da sociedade, é a própria sociedade que muda. Temas como as “famílias enredadas”, “O jovem e o contexto familiar”, “metodologia de trabalho social com famílias”, “Famílias e políticas públicas” se sucedem nos 21 capítulos que apresentam uma visão de conjunto das transformações. O texto de Ladislau Dowbor, “A economia da família”, estuda a família como unidade de reprodução econômica: pais sustentam os filhos e os idosos, e serão por sua vez sustentados. Hoje, com a desarticulação da família, fragilização do Estado e privatização dos serviços sociais, é o próprio processo de redistribuição do excedente social entre gerações que se vê prejudicado.

Família: Redes, Laços e Políticas Públicas, organizado por Ana Rojas Acosta e Maria Amalia Faller Vitale – IEE/PUCSP, São Paulo 2003, 320 p. .

O texto de Ladislau Dowbor está disponível em http://dowbor.org/2003/03/economia-da-familia.html/