Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterPin on Pinterest0Email this to someonePrint this page

Dissertação de mestrado na Pós Graduação em Administração da PUC-SP, defendida em maio de 2011, orientação do prof. Arnoldo de Hoyos Guevara, banca Ana Cristina de Faria e Ladislau Dowbor


O trabalho de Diego constituti antes de tudo uma excelente sistematização. O título diz tudo: desenvolvimento social sustentável. Com isto orienta-se a visão do desenvolvimento em função dos dois principais desafios: o social e o ambiental. Bem escrito, denso em informações básicas, e com descrição sintética das visões dos autores mais significativos sobre o tema.  O trabalho faz parte, neste sentido, do amplo esforço de reconstrução das teorias econômicas e de gestão em função dos desafios reais de todos nós, e não apenas visando otimizar uma unidade empresarial. Este choque de realismo, num planeta onde 10 milhões de crianças morrem anualmente de causas facilmente prevenidas, onde 25 milhões de pessoas já morreram de Aids enquanto patentes proibem os paises afetados de produzir o coquetel, onde um bilhão de pessoas passam fome, onde se destrói a cobertura floresta, a vida nos mares, o clima e a água limpa – não é sonho, é bom senso. O fio condutor do trabalho de Diego é seguir este eixo, descrever as situações críticas, apresentar as alternativas que estão em discussão. Bibliografia sólida, argumentos bem organizados: um instrumento de trabalho, vale a pena. O texto pode ser conseguido no site da PUCSP ou com o autor em diegoconti@uol.com.br  

Autor: Diego de Melo Conti